Rua Caldas da Rainha, 806 Bairro São Francisco BH/MG CEP 31.255-180 (31) 3273-2486

O que é a certificação de rede e qual sua importância?

certificação de rede
21

Jan 2019

Por:Via Networks
Dicas

Atualmente, as empresas têm buscado aliar produtividade, qualidade e redução de custos. O que os gerentes de TI sabem e tentam justificar aos demais gestores é que essa eficiência operacional está diretamente ligada a uma infraestrutura de rede bem construída. Aqui entra o papel da certificação de rede.

Essa certificação deve ser encarada como uma ferramenta indispensável para qualquer tipo de instalação e cabeamento estruturado. Mas o que é certificação de rede e qual seu impacto na organização? Continue a leitura, pois temos as respostas!

O que é certificação de rede?

A certificação de rede é uma bateria de testes realizada para comprovar a qualidade e o funcionamento dos cabos. Basicamente, eles mostram se a rede está disponível para uso ou não e avaliam a qualidade do cabeamento para definir se está dentro dos parâmetros planejados.

Para isso, utilizam-se equipamentos específicos adequadamente calibrados para identificar falhas, conforme a regulamentação das normas TIA/EIA 568B. Após os testes de certificação, gera-se um relatório com o registro de toda a análise realizada. Esse é um documento importante que deve ser anexado ao projeto da instalação. Dessa forma, os dados poderão ser usados futuramente em comparativos com novos testes, que podem incluir:

  • atenuação (attenuation);
  • comprimento do cabo (lenght);
  • pinagem dos cabos;
  • resistência do cabo;
  • perda e retorno (return loss)
  • paradiafonia;
  • atraso de propagação (propagation delay);
  • mapeamento dos condutores (wiremap).

Os testes podem ser divididos em passivos e ativos, de acordo com o objetivo em questão.

Testes passivos

Esses testes são realizados mesmo que a rede não apresente nenhum tipo de problema. Assim, eles funcionam de modo preventivo e felizmente são muito praticados. Os passivos podem ser estáticos ou dinâmicos:

  • estáticos: seguem parâmetros rígidos que não aceitam nenhum tipo de reprovação, pois precisam atender a elevados padrões exigidos em laboratórios, institutos de pesquisa, fábricas etc.;
  • dinâmicos: incluem cerca de 16 testes de campo (field tests) obrigatórios segundo a norma EIA/TIA 568B.1, tais como lenght, wiremap, attenuation, return loss e propagation delay.

Testes ativos

Os testes ativos são realizados quando se deseja descobrir as causas de um mau funcionamento, como lentidão na rede. Com redes cada vez melhores e profissionais mais capacitados, esse tipo de teste passa a ser menos frequente.

Assim, quaisquer aspectos internos ou externos à instalação que podem afetar a qualidade da rede são identificados e corrigidos para garantir a eficiência operacional da infraestrutura de TI. Mas será que esses testes são mesmo necessários? Entenda os benefícios!

Quais os benefícios que esses testes trazem?

Agilidade no diagnóstico

Ao surgirem falhas, a certificação de rede pode checar todos os pontos da infraestrutura e, de modo rápido e eficiente, detectar onde está o problema. Dessa forma, os chamados do departamento de TI são prontamente atendidos e de modo muito mais eficaz.

Respaldo documental de qualidade

Como vimos, os testes de certificação de rede são capazes de gerar relatórios detalhados que constituem uma parte importante dos documentos que acompanham as instalações. São dados que servirão de base para a tomada de decisão.

Possibilidade de ampliar a garantia ao cliente

Com a facilidade de diagnosticar a origem das falhas e assegurar a qualidade das instalações, é possível proporcionar ao cliente um prazo maior de garantia. Assim, a empresa se torna mais competitiva e o cliente ganha com um período de suporte mais interessante.

Redução de custos

Realizar testes para monitorar a qualidade da rede e prevenir a ocorrência de falhas graves é melhor do que remediar com reparos — muito mais onerosos para o negócio.

Além disso, o tempo em que a rede fica indisponível ou em mal funcionamento reduz substancialmente a produtividade. O resultado é queda de eficiência operacional e de receita. Sem falar na perda de credibilidade aos olhos dos clientes.

As vantagens da certificação de rede são inúmeras. Sem dúvida ela é indispensável para o setor de TI garantir maior disponibilidade dos serviços e eficiência nas demais operações do negócio.

Gostou do nosso conteúdo? Então confira outra dica: quando é necessário atualizar as instalações elétricas? Saiba mais!

CTA Via

 

 

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rua Caldas da Rainha, 806 Bairro São Francisco BH/MG CEP 31.255-180

(31) 3273-2486

contato@via.eng.br